quarta-feira, 20 de abril de 2011

Militares ocupam Aleac e protestam contra indiferença do governo

Nesse momento, cerca de cinquenta militares estão acupando a Assembléia Legislativa do Acre (ALEAC). Com cartazes, eles pedem para serem ouvidos pelos parlamentares e chamam a atenção da imprensa para as reivindicações da categoria.
De acordo com os manifestantes, até o presente momento a equipe de governo de Tião Viana não acenou positivamente para iniciar as negociações salariais, o que pode fazer com que os militares realizem a primeira paralização da história das PM e do Corpo de Bombeiros.
Mais informações, logo mais neste blog. 

RELEMBRANDO

ASSEMBLÉIA GERAL HOJE

DIA: 20 DE ABRIL
LOCAL: SESC-BOSQUE, AO LADO DO TEATRÃO
HORA: 18 HORAS
PAUTA: NEGOCIAÇÃO SALARIAL E OUTRAS DELIBERAÇÕES

4 comentários:

  1. VAMOS PARAR TD IGUAL OS MILITARES DE RONDONIA O QUE NÃO PODEMOS E SER COVARDE COM NÓS MESMO.... ESSE GOV SEMPRE NOS HUMILHOU E OS CMT GERAIS SEMPRE BABANDO ASSIM NÃO DÁ

    ResponderExcluir
  2. Nova maneira de fazer POLITICA20 de abril de 2011 12:04

    Todos em massa já!
    Essa corja do PT vai mandar representante ao SESC-BOSQUE, então é bom que todos os militares estejam lá, da ativa e da reserva.
    Para que vejam que vão ter que sentar e negociar, caso contrário o BICHO VAI PEGAR.

    ResponderExcluir
  3. Nova maneira de fazer POLITICA20 de abril de 2011 12:07

    Precisamos ficar atento não é a 1ª e nem a última vez que esse governo (fraco) promete negociar, precisamos estar em peso logo mais no SESC-BOSQUE.
    TODOS UNIDOS JAMAIS SERÃO VENCIDOS!!!!

    ResponderExcluir
  4. Continuem acreditando no governo, o mesmo governo que nunca olhou para vocês !
    O mesmo governo que dá reajuste para todos os funcionários, menos para vocês.
    O governo que não dá nem mesmo o fardamento.
    Acreditem bastante num tal de DINIZ.
    Continuem pedindo migalhas em vez de pedir respeito.
    Continuem sem folga, estressados, tirando pessoas da enchente e deixando suias próprias familias entregue aos bandidos da periferia onde vocês moram, enquanto o governo viaja para comer lagosta.
    Aos mais jovens, sejam os homens que a corporação merece.

    ResponderExcluir

Evite palavrões. Dê seu apoio, faça a sua crítica, mas com respeito a todos.