terça-feira, 12 de abril de 2011

Policiais que detiveram atirador em escola são promovidos no Rio

Cerimônia contou com a presença do presidente em exercício, Michel Temer.
Ele condecorou o sargento Márcio Alves, que disparou contra Wellington.


Os três policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária que interromperam a ação do atirador Wellington Menezes de Oliveira, na Escola Tasso da Silveira, em Realengo, na última quinta-feira (7), foram condecorados por ato de bravura no Rio na manhã desta terça-feira(12). O presidente em exercício, Michel Temer, participou da cerimônia.
O terceiro-sargento Márcio Alexandre Alves, chamado de herói pelo governador Sérgio Cabral, foi promovido a segundo-sargento. Já os cabos Denilson Francisco de Paula e Ednei Feliciano da Silva foram alçados a terceiro-sargento.
A ação dos militares foi elogiada pelo comandante-geral, coronel Mário Sérgio Duarte, na abertura do evento, no quartel-general da Polícia Militar, no Centro do Rio. “Em meio ao horror, uma guarnição, demonstrando coragem e serenidade, conseguiu impedir que o franco atirador causasse um morticínio ainda maior”, disse.
Presidente condecora policial que atirou em Wellington
 
O coronel Mário Sérgio afirmou que “o 7 de abril não deve ser lembrado como um dia de fúria e infâmia, mas um marco para construir a paz” e citou ainda uma passagem do Alcorão. “O livro sagrado do Islã, que com certeza nada tem a ver com esse ato tresloucado, diz: ‘ As crianças são o ornamento da vida neste mundo’”.
Michel Temer fez um breve discurso, elogiou a política de segurança do governo do estado, citando o secretário de Segurança José Mariano Beltrame, e lembrou que a presidente Dilma Rousseff, antes de viajar para a China, recomendou que ele a representasse na cerimônia de promoção dos militares. Ele entregou as condecorações ao sargento Márcio Alves.
"Fora a parte da coragem, eles têm o senso de oportunidade e a tranquilidade para agir", resumiu Temer.

Fonte: G1

6 comentários:

  1. A melhor condecoração para estes policiais é o pagamento da PEC300 na íntegra!

    ResponderExcluir
  2. Esses caras mereceram a promoção. verdadeiros heróis

    ResponderExcluir
  3. CEL. ANESTÉSICO NO RABO13 de abril de 2011 06:07

    Olha aí o Governo desviando a atenção.
    Se o policiamento ostensivo estivesse na porta da escola, ao som do 1º disparo, nossos colegas teriam evitado o restante.
    Os colegas merecem sim todo o crédito, o governo mais uma vez usa a cortina de fumaça.
    Se o RONDA ESCOLAR estivesse operacional, o BRASIL não seria hoje mais um País com tragédias escolares.
    Governos dos infernos !

    ResponderExcluir
  4. Realmente o melhor para eles seria a aprovação da PEC 300 e policiais nas portas das escolas.....aí sim tinha evitado muitas mortes........

    ResponderExcluir
  5. parabéns ,isso sim é ser promovido por merecimento,aqui no acre promoção por merecimento é só para oficial que mais babar o ovo e não tiver escrupulos e vender até a mãe,porque se fosse promovido por um ato desse de bravura,onde se separa os meninos dos homens,não tinha nenhum sido promovido por merecimento até hoje,se fosse aqui no acre,quem teria sido promovido, seria o cmt. do batalhão.parabéns ao gov. do rio de janeiro

    ResponderExcluir
  6. PARABÉNS PARA ESSES VERDEDEIROS HEROIS.

    E É VERDADE SE FOSSE NO ACRE, QUEM TERIA SIDO PROMOVIDO TERIA SIDO O CMT.

    ResponderExcluir

Evite palavrões. Dê seu apoio, faça a sua crítica, mas com respeito a todos.