quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Sob nova direção

Novo presidente aposta em transparência e em uma associação mais atuante


As acusações envolvendo o ex-presidente da Associação dos Militares Estaduais do Acre (Ameac) relembraram histórias antigas e deixaram marcas difíceis de apagar e um desafio para o novo presidente: enfrentar a crise e reconquistar a confiança dos militares. Com 39 anos de idade, 18 deles de vida militar, o sargento do Corpo de Bombeiros Luiz Gonzaga Ribeiro da Silva, o sargento Ribeiro, tem a missão de fazer com que a Ameac se torne novamente a voz dos militares no cenário estadual. Quais suas primeiras e principais ações? É isso que podemos conferir em nossa entrevista.
Ameac – O senhor toma posse em uma associação em crise. O que esse período deixa como exemplo a não ser seguido?

SGT Ribeiro – Não sei se seria certo afirmar que estamos passando por uma crise em um sentido amplo da palavra. Muitos de nossos associados continuam conosco e acreditam na associação que nós mesmos criamos. Mas chegamos a esse estado devido a dois erros graves. O primeiro foi dar poder de mais para uma pessoa, ter uma gestão centralizada. O segundo foi não dar transparência em nossas ações, sobretudo, no tocante a questão financeira. Pretendemos publicar nossas prestações de contas no blog e deixar notas para a conferência de todos os sócios em nossa sede, além de ter uma gestão descentralizada, pois acredito que todos da diretoria sejam capazes de dar conta do recado em suas respectivas funções.

Ameac – O Brasil inteiro está se mobilizando para a passeata da PEC 300, a nossa estava marcada para o dia 2 de outubro, o que a Ameac está pretendo a respeito?

SGT Ribeiro – De fato, o Brasil inteiro espera uma boa passeata no Acre, pois eles acreditam muito nas lutas dos militares daqui. Já firmamos nossa passeata para o dia 23 de outubro e estamos confirmando a presença de diversas autoridades como o Major Fábio, Capitão Assumção e alguns outros deputados e vereadores. Estamos providenciando camisas a serem oferecidas a preços acessíveis, já que não contamos com muitos recursos. Hoje, a PEC 300 é uma realidade, mas precisamos de todos os militares e de seus familiares em nossa marcha.

Ameac – Uma das grandes críticas feitas pelos associados diz respeito à banca cível. Alguma medida está sendo tomada pela atual diretoria para resolver esse problema?

SGT Ribeiro - Tivemos muitas críticas sim. Vamos rever o contrato com a banca, temos outra proposta melhor que a banca atual e nossa meta e deixar um advogado, em dias previamente estabelecidos, para o atendimento dos militares na sede da Ame.

Ameac – Policiais militares das turmas de 2000 e 2002 criticam muito o ex-presidente alegando desfavorecimento no tocante às promoções. O que essas turmas podem esperar da nova presidência?
SGT Ribeiro – Tem coisas que a gente não entende e uma delas é por que essas turmas não contaram com a atenção necessária no processo de negociação que afirmo, foi feito por duas pessoas. Enfim, pretendemos sentar com os representantes das turmas e oferecer ajuda e, se quiserem, tomaremos a frente junto com eles no processo de negociação. Dias atrás estivemos com algumas pessoas da Procuradoria Geral do Estado e tocamos no assunto e conversamos sobre a injustiça realizada às duas turmas. Acreditamos que seja possível corrigir esse erro.
Ameac – Para finalizar, diga quais outras bandeiras levantadas pela Ameac?
SGT Ribeiro – O problema da Ame nunca foi falta do que fazer e temos muitas coisas pendentes. Temos a novela do porte de arma na carteira, reformulação do RDPMAC, risco de vida dos inativos (55 meses atrasados), promoção dos terceiros sargentos, a nomeação de um comandante geral para o Corpo de Bombeiros, regulamentação da carga horária dos militares, e uma muito importante que é a cobrança da pensão PM/BM que não é legal. Muitos Estados não contam com essa pensão e nos que existe é de apenas 5% e não 11% como é o nosso caso. É claro que devemos eleger prioridades, pois não podemos abarcar o mundo com as pernas, mas os militares podem contar com uma associação mais atuante e transparente.

23 comentários:

  1. Parabéns amigo Ribeiro,é de representante assim que nós precisamos,com tranparência e respeito com o dinheiro dos associados.Espero cinseramente que jesus lhe dê bastante sabedoria para que você consiga colocar em prática todos esses assuntos que estão na sua pauta de discussão.
    A AME é forte!Nós unidos somos fortes.PEC 300 JÁ.(Xapuri)

    ResponderExcluir
  2. Sou PM e admiro profundamente a capacidade organizacional das praças do bombeiro militar do Acre em conduzir os anseios coletivos.
    Tenho certeza que o Sargento Ribeiro, ao contrário daquilo que se vê entre os presidentes oriundos da PM que na maioria só se preocupam em meter a mão no alheio, fará uma brilhante e transparente administração!
    Suas palavras iniciais são sábias.
    Parabéns, presidente!
    Outra coisa: a AME nunca esteve em crise! Em crise está um aventureiro que tentou se aproveitar da confiança de vários PMs e BMs e hoje caminha de cabeça baixa como todo ladrão tem que andar!
    A AME SOMOS TODOS NÓS, CONTE SEMPRE CONOSCO!
    Ao curso de sargentos turma de 2000 e 2002!

    ResponderExcluir
  3. Meus votos de sucesso a novo presidente da AME/AC, que a transparência seja o marco de sua empreitada. Não deixe o imediatismo atrapalhar uma luta justa e árdua que estamos enfrentando e vencendo nos últimos anos...PARABÉNS PRESIDENTE...VAMOS NOS UNIR E FORMAR UMA VERDADEIRA EQUIPE-FAMÍLIA DOS MILITARES ESTADUAIS E LUTARMOS PELA APROVAÇÃO DA PEC 300 E PELA EFICIÊNCIA DAS NOSSAS AÇÕES JUNTO À SOCIEDADE

    ResponderExcluir
  4. Uma pessoa simples e transparente como o Sgt Ribeiro fará a AME achar seu caminho novamente.. Conte conosco Sgt... a AME tem nosso apoio e o que aconteceu com o ex presidente sirva de exemplo para os atuais e futuros presidentes da entidade... quem manda na AME são seus sócios!!!

    ResponderExcluir
  5. Fé em DEUS e vá e vença sgt!!!!!!!! unidos somos mais fortes!!!!!!!!!!!! boa sorte!!!!

    ResponderExcluir
  6. A SUA SIMPLECIDADE É O SEU MAIOR BEM, CONTINUE ASSIM, E PODE CONTAR COM TODOS NÓS.

    ResponderExcluir
  7. ESCOTEIROS SEMPRE ALERTA9 de outubro de 2009 16:41

    nós da regional de escoteiros tambem colocamos nosso apoio a diretoria da AMEAC, principalmente com o novo presidente o sgt Ribeiro do Bombeiro. se podermos queremos participar da marcha pela segurança publica.

    ResponderExcluir
  8. RIBEIRO MEU IRMAOZINHO DA UMA OLHADINHA PRA NOSSA ESCALA DE SERVIÇO QUE TA DE MATAR 24 POR 48 E DOIS EXPEDIENTE NA SEMANA. A COISA TA FEIA. AJUDA NOS

    ResponderExcluir
  9. Porque que os médicos da diretoria de saúde nunca estao lá. verifica ai ribeiro e nos responde todos funcionarios tem que prestar seu serviços e porque que os médicos nao. isso acaba tendo que ir atras dos de fora e gastando sem necessidade. Só no CBMAC acontece isso.

    ResponderExcluir
  10. essa dubla ainda vai da o que falar, tem tudo para irem longe, agora por favor nao briguem.Tem espaço para todos e juntos seremos sempre fortes

    ResponderExcluir
  11. É isso ai, nós das turmas de 2000 e 2002 não fomos beneficiados, esperamos que isso seja revisto urgentemente, juntos somos fortes, apoiamos a pec 300, queremos uma carga horária de no máximo 36 horas semanais, uma etapa alimentação igual para praças e oficiais, risco de vida igual p todos.

    ResponderExcluir
  12. Sem o gatuno a Ameac vai longe, precisamos de pessoas que se preocupem com a categoria e não com o seu próprio bolso. Parabéns Ribeiro, confiamos em você.

    ResponderExcluir
  13. sua responsabilidade nao é pequena, mas, acreditamos em vc Ribeiro e pedimos a voce nao cometa o erro da centralizaçao. antes de esta na diretoria já ouvia falar muito bem de voce pelos seus proprios companheiro. Agora é arregaçar as mangas e caminhar.

    ResponderExcluir
  14. espero que continue com a visao que demonstrou com relaçao aos inativos., temos aquele retroativo ajude nos nessa etapa.

    ResponderExcluir
  15. Sou antigo, mas uma coisa é certa:
    essa nova Lei para promoção de praças é discriminadora pq só abrange uma fração (a turma 2009) da cotegoria! E como se sabe toda Lei tem que alcançar a TODOS!
    Não é justo passar 10, 15 anos sem nenhuma progressão na carreira como eu passei. Não desejo isso para os novos policiais.
    Se outras turmas passaram por isso, paciência! Vivemos novos tempos e a Lei tem que abranger a TODOS insdistintamente!
    Igualdade para as turmas de 2000 e 2002!

    ResponderExcluir
  16. Se a AME estiver realmente interessada em promover uma nova imagem da nossa associação no tocante ao emprego da arrecadação da nossa verba, pergunto por que não investem na criação de um WEB SITE? no qual poderemos disponibilizar em um banco de dados, os valores sobre a arrecadação mensal, onde os sócios poderão ver que seu nome consta na lista, o valor descontado de cada associado, o montante e uma prestação de contas mensal. Assim saberemos para onde o nosso dinheiro está indo. Acredito que usar o dinheiro do desconto de 20 sócios para custear este serviço, é melhor do que ter o desligamento de um número de sócios superior a este, visto que a duvidosa forma que tem sido empregado o nosso dinheiro tem causado esta situação (pelo que ouvi falar). Eu, particularmente tenho pensado em me desligar. Façam uma licitação para contratar uma equipe de web design. Apesar de termos web design e programadores na corporação.

    ResponderExcluir
  17. CARO RIBEIRO, NÃO SE ESQUEÇA DO RETROATIVO DO RISCO DE VIDA DOS INATIVOS, ESTÁ FÁCIL PARA NEGOCIAR, POR QUE JÁ FOI RECONHECIDO PELO GOVERNO O NOSSO DIREITO, SÓ FALTA OS ATRASADOS!!! BOA SORTE NO COMANDO DA AME!!!

    ResponderExcluir
  18. depois da saída do lalau as coisas vão melhorar, acredito na ame.

    ResponderExcluir
  19. Viram companheiros?
    Tempestades acontecem! A AME está intacta após a intempérie!
    Este é o maior ensinamento que nós policiais e bombeiros militares damos à Democracia: as instituições que representam a coletividade devem ser acompanhadas e fiscalizadas para evitar que aventureiros se aproveitem dessa mesma coletividade!
    A AME é NOSSA! Todas as vezes em que um CANALHA sentar na cadeira da presidência, NÓS o execraremos!
    A AME é forte porque é composta por bravos!
    Não se desfilie da AME!
    Lute por ela! Cobre dos seus dirigentes! Participe! Sugira! Denuncie! Critique! Fiscalize!
    Contribua para NOSSO crescimento e fortalecimento!

    ResponderExcluir
  20. Eu acredito na união, na competência e no caráter dos homens de bem,nós policiais militares temos que estarmos unidos e defendermos a mesma bandeira.
    Vamos colaborar,mas cobrar também e fiscalizar para que não sejemos pegos de surpresa.
    A AME é forte, nós unidos somos fortes!PEC 300 JÁ!!!(Xapuri)

    ResponderExcluir
  21. vamos lá companheiros vamos levar no minimo,(5.000.00)cinco mil pessoas para este manifesto,que trata da nossa liberdade financeira bem como da nossa valorização como profissionais de segurança pública.

    ResponderExcluir
  22. sgt pm ribeiro,administre bem o nosso dinheiro,porque agora,nós estamos fiscalizando para que não ocorra fatos da mesma natureza,vamos lá companheiro lotar a concha acústica de pessoas,para que essa pec,seja aprovada dia 23/10/2009.

    ResponderExcluir
  23. Advogados para atender as necessidades Cloetivas da Classe Policial Militar, e não interesse individual.

    ResponderExcluir

Evite palavrões. Dê seu apoio, faça a sua crítica, mas com respeito a todos.