segunda-feira, 7 de junho de 2010

Major Araújo sofre atentado

Há menos de 24 horas para o encontro com a equipe de governo de Goiás, Major Araújo, presidente Associação dos Oficiais da Polícia e Corpo de Bombeiros Militar, sofreu um atentado.
O militar chegava em casa na madrugada desta segunda-feira, dia 7, quando percebeu a presença de um motoqueiro nas proximidades. Vendo o perigo, o major saiu rapidamente de seu veículo, abriu o portão eletrônico da residência, correu para o interior da casa e se jogou ao chão enquanto tiros eram disparados e atingiam seu carro e casa.
A Polícia Militar foi acionada, mas não conseguiu prender o criminosos.
Araújo informou os policiais militares de Goiás por seu blog e pediu para que não desistissem. 
“Queremos informar aos nossos irmãos de farda, ativos, inativos bombeiros e policiais militares que não se furtem desta luta que é de interesse geral a qual juntos venceremos unidos. Sabemos sim que estamos correndo até mesmo risco de vida, mas quero dizer pra vocês que se mantenham unidos, focados, desejosos, por que se ficarmos inertes não vamos conseguir a vitória”, finalizou Araújo.
Major Araújo foi o líder da paralisação dos militares do último dia 31. O protesto foi uma forma de sensibilizar o governo goiano aos apelos da categoria de melhores condições de trabalho e ajuste salarial.

Veja a proposta da categoria.



3 comentários:

  1. Senhores Comandantes, saibam como transformar seu melhor soldado em seu pior policial:

    1- O escale em policiamento de RP com mais um na viatura (2 na VTR);
    2- Comece a colocar ele de serviço em toda segunda folga P.O;
    3- Aplique punição por qualquer falta, (reunião, formatura, etc.),
    4- Não lhe dê transferência;
    5- Aplique uma escala desumana.
    Assim vocês terão um policial que não aborda ninguém; um policial desmotivado que vai pra rua pra andar de carro e esperar a ocorrência cair no colo; um policial que não se preocupa com a sociedade e tão pouco com o que pode acontecer; um policial que vai na ocorrência pra dizer pra vítima simplesmente que procure a delegacia mais próxima; um policial que sai para o serviço pra resolver assuntos pessoais.
    Isso já está acontecendo é só prestarem atenção: poucas apreensões de armas de fogo, poucos flagrantes, muitos assalto, muitos furtos, etc.

    ResponderExcluir
  2. A VIDA, E UNICA MAS A SABEDORIA NUNCA ACABA TEMOS QUE TER CUIDADO JÁ MAS DESISTIR DE NOSSOS SONHOS. AQUELE QUE NAO SABE VOAR CORRA, QUANDO NAO SABE CORRER ANDE, SE NAO SABE ANDAR, ARRASTE MAS JÁ MAS DESISTA DE SEUS SONHOS.......?

    ResponderExcluir
  3. LASCADO DO 1º BPM8 de junho de 2010 10:02

    Tirando o major Rocha, sabe quando um oficial vai lutar pela categoria? Nunca. Pelo menos as coisas acenam nessa direção. O Governo tem feito muito bem a desmobilização e a desmoralização da PM.
    Em uma reunião com os CMTS das unidades, a secretária Márcia Regina perguntava se eles não sabiam controlar seus subordinados. Os pelegos ficaram calados. Uma coisa é fato: os praças estão se lascando de trabalhar para os oficiais ganharem estrelas. Alguém tem visto os novos tenentes tirarem serviço à noite? O CMT de patrulha no 1º BPM agora é um Primeiro SGT. A questão não é se ele tem capacidade ou não, a questão é que ele não recebe um salário para isso. Aliás, nenhum de nós recebe o salario devido há muito tempo. O Oficial de dia, é um Oficial de faz de conta, veste a farda nos dias de semana, se apresenta pro SUBCMT e vai pra casa.
    E nós? Trabalhamos nossa escala normal, na segunda folga e ainda ficamos de sobreaviso. É brincadeira. Enquanto isso, nossos comandantes vão dormir em casa e sonhar que tipo de punição vão bolar para o dia seguinte.
    Pelo 1º BPM quem dá a regência é a ditadura, ninguém pode falar nada que é preso. Tentei sair de lá e não me deram transferencia. Vou meter o tapa naqueles cornos para poder sair?

    ResponderExcluir

Evite palavrões. Dê seu apoio, faça a sua crítica, mas com respeito a todos.