terça-feira, 3 de novembro de 2009

Mais um colega de farda

Notícia publicada no site: http://www.folhadesena.com/
SARGENTO DA PM DE SENA É BALEADO NA BALSA DO PURUS POR ASSALTANTES DO BB
O sargento Jossimar, da Polícia Militar de Sena Madureira, conhecido por Mazinho, levou um tiro de fuzil na balsa do Rio Purus ao tentar prender um dos assaltantes do Banco do Brasil de Feijó. O militar está desaparecido nas águas do Rio Purus.Mazinho estava na balsa que faz a travessia do Purus quando viu um homem armado tentando render um caminhoneiro. Ele teria dado voz de prisão ao bandido, e recebeu um tiro de fuzil no peito.Um militar que pediu para não ter o nome identificado disse que Jossimar caiu nas águas do rio e desapareceu na correnteza.Um policial militar de Sena Madureira está inconformado com a falta de apoio da Secretaria de Segurança. Ele diz que apenas dois policiais foram designados para acompanhar o Sargento Mazinho na operação que tinha como objetivo prender a quadrilha que assaltou o BB de Feijó.A comandante da Polícia Militar em Sena Madureira, tenente Marilena, disse que enviou sete militares para ajudar na operação, que também conta com agentes da polícia de Manoel Urbano.Os dois assaltantes fazem parte da quadrilha que roubou cerca de R$ 500 mil reais na agência do Banco do Brasil de Feijó na semana passada, e que estavam escondidos nas matas da região do Envira e Purus. Acredita-se que nas próximas horas deverá ocorrer mais trocas de tiros.Uma viatura da Polícia Militar saiu da cidade agora há pouco levando cerca de cinco policiais para tentar capturar os assaltantes.

Notícia posta no site: http://www.agazeta.net/
Policial foi ferido nesta manhã de terça-feira, 3, por um dos assaltantes do Banco do Brasil de Feijó
O sargento Josimar Moreira, o Mazinho, da Polícia Militar de Sena Madureira (140 quilômetro de Rio Branco) foi atingido por um tiro de fuzil, na manhã desta terça-feira, 3, próximo à balsa do rio Purus, entre Manuel Urbano e Sena Madureira, em confronto com os assaltantes do Banco do Brasil de Feijó.
Segundo informações de um primo da vítima, Mazinho foi baleado quando esperava pelos assaltantes em campana montada em cima da balsa. O assaltante que teria atirado no policial foi identificado pelo nome de Eurico Rocha do Nascimento. A polícia identificou mais dois acusados no assalto ao banco: Fagner Amorin da Silva e Danilo Braga da Costa. Todos seriam de Sena Madureira.
As informações oficiais são de que o sargento teria caído no rio e está desaparecido. Os bandidos teriam se embrenhado na mata e fugido novamente.
A polícia monta várias barreiras ao longo do Purus, desde a a última sexta-feira, 30, quando a agência do Banco do Brasil em Feijó foi assaltada e funcionários foram feitos reféns.
.
.
Notícia posta no site: http://www.ecosdanoticia.com/
Sargento da PM é ferido em confronto com assaltantes e desaparece nas águas do rio Purus
Uma troca de tiros entre policiais militares e assaltantes deixou Sargento Josimar da PM de Sena Madureira ferido.
O militar ferido se jogou nas águas do rio Purus e desapareceu. O confronto aconteceu por volta das 5h desta terça-feira, 03, na estrada, próximo ao município de Manoel Urbano, quando dois assaltantes renderam um grupo de policiais militares roubaram um caminhão e seguiram em direção a balsa do rio Purus.
Segundo informações do Comandante Geral da Polícia militar. Coronel Romário Célio, que se encontra em Sena Madureira acompanhando o ocorrido, o Sargento Josimar e o soldado Benone estavam na balsa e foram atacados a tiros pelos assaltantes que usaram uma arma pesada contra os policiais. Durante o tiroteio os militares se jogaram no rio Purus, enquanto os assaltantes fugiram entrando na mata.
Em seguida os policiais sairam do rio,mas o Sargento Josimar que era um exímio nadador e os militares encontraram manchas de sangue na balsa o que leva a crer que o Sargento Josimar esteja morto.
Uma equipe do Corpo de Bombeiros Militar saiu de Rio Branco com destino ao rio Purus, local onde aconteceu confronto para realizar buscas no rio na tentativa de localizar o corpo do Sargento.
PM envia mais reforço para a região
O comandante da Polícia Militar, disse que já determinou o envio de mais reforço de policiais militares para substituir os que estão desde sexta-feira, 30, na região na tentativa de capturar os assaltantes do Banco do Brasil em Feijó.
Na manhã desta terça-feira, devido a chuva o helicóptero Comandante João Donato, não pode ajudar nas buscas. Mas assim que o tempo oferecer condições o helicóptero também será enviado para auxiliar os policiais em terra.
A Polícia Civil também envio 20 policiais para ajudar nas buscas, já que a polícia sabe que os assaltantes estão portando armas de grosso calibre, armamento pesado.

10 comentários:

  1. ÉTICO E MORAL.

    A pm do acre é muito boazinha,porisso vivemos levando tiro desses vagabundos!
    Temos que deixar de ter o coração molinho!Vamos começar a meter fogo nesses filhos da p...!Vamos mostrar para esses imundos quem é que manda no pedaço.

    ResponderExcluir
  2. Estamos atravessando um período crítico na segurança pública do nosso Estado, período em que os reflexos da má gestão estão cada dia mais evidente.
    Vejo policiais tombando todos os dias, vítimas da falta de investimento, da falta de treinamento, da falta de equipamentos de segurança de segurança e até mesmo de valorização profissional.
    A falta de efetivo é outro problema grave, desde 2002 não temos a incorporação de novos policiais militares, o déficit é coberto com a sobrecarga daqueles que ainda tem saúde pra enfrentar o crime e tentar trazer segurança para a nossa sociedade.
    Nesse trabalho árduo: Carnaval, Expoacre, Expojurua, Festival do Açaí, Festival do Mandin, Festival da Melancia e tantos outros, enquanto está cuidando da segurança de estranhos deixa a sua própria família entregue à própria sorte.
    Vejo nesses dois casos fatais a demonstração clara do desrespeito com que os nossos governantes e comandantes tratam os Policiais Militares. O desrespeito para com essa categoria de servidores que está pagando com a própria vida a conta dos desmandos e da falta de uma política séria de segurança pública no nosso Acre.
    Só pra deixar ainda mais claro essa falta de respeito e consideração, basta lembrar das diversas notas publicadas pelo governo quando ocorre o falecimento de um servidor qualquer. Isso não se repete com os nossos Policiais Militares que morreram cumprindo o juramento de defender a sociedade.
    Aqui em Cruzeiro do Sul, após o enterro do Sargento Francisnato, outro fato me deixou ainda mais deprimido. Fiquei sabendo que nem mesmo o caixão, que é um direito do Policial Militar, estão querendo pagar. Francisnato não pediu pra falecer, mais morreu em razão de ser Policial Militar e estar de serviço. Seu enterro custou dois mil e quinhentos reais e a nossa POLICLÌNICA, depois de muita luta só vai mandar mil reais. A família que já perdeu um ente querido ainda vai ter que pagar por isso. Como fica a Viúva e os seus três filhos órfãos?
    Sem direito a uma simples nota de condolência, sem treinamento, sem equipamento, sem efetivo e ainda pagando pra morrer. Essa é a triste realidade dos Policiais Militares do Acre.

    Peço desculpas pelo desabafo, mais as vezes as coisas tem que ser ditas com o coração.
    Deus abençoe, proteja e guarde a vida dos meus irmãos Policiais Militares. Se for possível gostaria de ver o meu comentário publicado.
    Cruzeiro do Sul-AC, 3 de novembro de 2009.

    Nauas2009@bol.com.br

    ResponderExcluir
  3. Os bandidos estão matando nossos irmãos policiais militares. Cadê a secretária de segurança pública que não se manifesta, manda nossos praças com um revólver obsoleto enfrentar bandidos que a justiça soltou fortemente armados e o que acontece é isso aí mais um irmão nosso morto. Ninguém era para estar esperando bandido nenhum pois os bancos não perdem nada com um assalto dessa natureza, o seguro paga tudo e o policial é quem perde a vida. Peço a imprensa de Cruzeiro do Sul e do Acre que filme as viaturas que chegaram em Cruzeiro e rodaram por um final de semana e depois foram lavadas para que a secretária venha aparecer na foto entregando as mesmas. No município de Rodrigues Alves já completou 1 ano e 3 meses que não tem viatura. O polociamento está sendo feito com duas motos velhas que durante a noite não se enxerga mais do que 3 metros pois nenhuma presta e não tem como conduzir um preso a pé até a DP.

    ResponderExcluir
  4. Essas nossas autoridades de merda, principalmente agora com o PT, estão deixando o crime organizado fazer a lei. O Estado é fraco e as autoridades atuais incompetentes. Não levam a sério a questão da Segurança Pública. A sociedade que se dane. Eles andam com um monte de policiais fazendo a segurança deles. È um batalhão a disposição de governador, juízes, deputados, secretários dentre outros. Bote esses policiais pra tabalhar de verdade, nas ruas em uma RP. E os oficiais também que não fazem nada a não ser perseguir os polciais que trabalham dia e noite perdendo sono arriscando a vida, que muitas vezes saindo de serviço faz um flagrante e sai três quatro horas depois e a recompensa é quando chega dois minutos atrasado é punido com no mínimo dois dias de detenção. Tirem as máscaras "autoridades" e façam políticas sérias pra segurança pública. Não fiquem apenas com esses discursos demagogos iludindo o povo mostrando obras eleitoreiras.

    ResponderExcluir
  5. É LAMENTÁVEL. EM MENOS DE DUAS SEMANAS TIVEMOS DUAS BAIXAS. A SEGURANÇA PÚBLICA ESTÁ DE LUTO, A PM ESTÁ DE LUTO, A POPULAÇÃO ESTÁ FERRADA! O COMANDANTE GERAL DEVERIA ESTAR NESSA MISSÃO. ELE NÃO É OPERACINAL? ELE NÃO É GERENCIADOR DE CRISES? QUE TAL ELE CONTINUAR MANDANDO PM ENFRENTAR BANDIDOS DE AR-15 COM UM 38 NA CINTURA, E AINDA POR CIMA, SEM COLETES. ONDE ESTÃO OS CABEÇAS PENSANTES DA PM? CADÊ O CORONEL QUE PROIBIU OS PMS DE CAUTELAREM ARMAS PESADAS? ELE DEVERIA RECEBER UM PIPOCO DE FUZIL NO LUGAR DO HERÓI QUE TOMBOU. ELES NÃO GANHAM RISCO DE VIDA MAIS ALTO?

    ResponderExcluir
  6. O COLEGA "NAUAS" JÁ DISSE TUDO !

    COMENTAR O QUÊ ?!

    APENAS TRISTEZA : BOMBEIRO E PM REFORMADO CARLOS FONSECA
    TURMA DE 1986
    ACIDENTADO EM CRUZEIRO DO SUL
    mergulhofonseca@hotmail.com

    ResponderExcluir
  7. REPITAM, REPLIQUEM TODOS ESTES COMENTÁRIOS NOS ESPAÇOS DE TODOS OS JORNAIS COMO, NOTÍCIAS DA HORA, GAZETA NET, ACRE 24 HORAS, O RIO BRANCO, ETC......
    PRECISAMOS TORNAR PÚBLICO TUDO O QUE ESTÁ ACONTECENDO PARA OS COLEGAS DE OUTROS ESTADOS.

    PAREM DE MORRER !!

    ResponderExcluir
  8. EU OUTRA VEZ, DE NOVO, NOVAMENTE, AGAIN.....4 de novembro de 2009 07:03

    ENOJADO, NAUSEABUNDO, TRISTE MAS CENTRADO disse...
    SENHORES SECRETÁRIOS DE COISA NENHUMA;

    ARMA DE GROSSO CALIBRE É LANÇA-ROJÃO . (Bazuca é o nome popularizado para o lança-rojão, uma arma anti-tanque em forma de tubo. O termo Bazuca é derivado do inglês "Bazooka

    ARMA DE GROSSO CALIBRE É UM OBUS. (O obus é uma peça de artilharia por excelência, parecido com um canhão. Entretanto, um canhão destina-se a realizar fogo direto, ou seja, apontado diretamente para um alvo, enquanto o obus dispara em trajetórias parabólicas, também chamadas oblíquas. A finalidade de um canhão é atingir um alvo específico, enquanto a de um obus é, no jargão militar, "bater área", ou seja, bombardear uma área com salvas seguidas que caem em pontos próximos, mas não exatamente no mesmo ponto. Isso é o que se chama "saturação de área". Quando se vê noticiários sobre guerras na televisão e a artilharia disparando apontada para cima, provavelmente essas armas são obuses.)
    ARMA DE GROSSO CALIBRE É CANHÃO.

    UM FUZÍL É ARMA "PORTÁTIL".
    UMA ARMA DE REPETIÇÃO CALIBRE 12 É ARMA "PORTÁTIL"
    UMA PISTOLA AUTOMÁTICA CALIBRE "PONTO 40" É "ARMA PORTÁTIL"

    HELICÓPTERO COLORIDO PARA PROCURAR PESSOAS NA SELVA, É APENAS PARA QUEIMAR QUEROSENE DE AVIAÇÃO E APARECER NA MÍDIA, A INFANTARIA É QUEM SABE DA PARADA, PORÉM, SEM ARMAS PORTÁTEIS, SEM DIÁRIAS, SEM UNIFORMES, SEM VIATURAS, DE BICICLETAS NA SELVA AMAZÔNICA......NEM MESMO O SENHOR "JOHN RAMBO" FARÁ SEU TRABALHO.
    A SUGESTÃO É: CAMPANAR COLONIAS DA REGIÃO, CACHORROS FAREJADORES SÃO BEM-VINDOS, BOMBAS DE EFEITO MORAL DE 30 EM 30 MINUTOS SÃO VERDADEIRA TORTURA PSICOLÓGICA, A FOME E O FRIO FARÃO COM QUE OS ASSALTANTES DE BANCO SAIAM DA FLORESTA.
    OUTRA SUGESTÃO É ENVIAR O COMANDANTE GERAL, SUB, TODOS OS OFICIAIS INTERNOS, SEM EXCEÇÃO, TODOS SEM O COLETE DE KEVLAR, COM ESPINGARDAS DE CHUMBINHO, SEM DIÁRIAS, SEM FARDAMENTO, SEM AUTO-ESTIMA, SEM DINHEIRO NO BOLSO, BLÁ, BLÁ, BLÁ E ETC.
    ASSIM TALVEZ CONSIGAM " SATURAR A ÁREA " !

    PRONTO PARA QUAISQUER MISSÕES :
    mergulhofonseca@hotmail.com

    ResponderExcluir
  9. ÉTICO E MORAL.-LUTO-

    Na polícia só existem três cituações:

    1º- ou você trabalha.
    2º- ou você se omite.
    3º- ou você se corrompe.
    Diante do descaso e do desrespeito com a nossa classe.Em qual perfil devemos nos encaixar?

    ResponderExcluir
  10. sou foncionário público do estado do pará e sem querer abrie a pagina da asociação dos policiais do acre é vi o descazo que esta acontecendo com á segurança desse estado. senhor governador se é que se pode chama assim á policia militar é fundamental na segurança do estado e de sua propia não seja BURO!

    ResponderExcluir

Evite palavrões. Dê seu apoio, faça a sua crítica, mas com respeito a todos.