terça-feira, 29 de março de 2011

Armações em Cruzeiro do Sul

Senhor Deputado Major Rocha e demais membros da Comissão de negociação salarial,

Vou expor agora o que está acontecendo no Batalhão da Polícia Militar de Cruzeiro do Sul. É lamentável e revoltante que existam pessoas que estão nitidamente contra a tropa. Esse é o caso do coronel Julio Cesar, comandante de Cruzeiro, e do Major Alves.
Depois que o nobre deputado, acompanhado do subtenente Agnaldo, do sargento Isnar e do soldado do bombeiro Abraão vieram aqui conversar com a gente, temos sofrido uma violência psicológica por parte desses dois oficiais anteriormente escritos. Isso é de uma covardia incrível, pois não podemos falar, apenas ouvir, e se falarmos a repressão é certa: seremos presos.
Vou contar o que aconteceu. A comissão esteve em Cruzeiro do Sul na segunda-feira (no dia 21). Aqui aconteceu a maior assembléia dos policiais militares da história, fato que o blog não citou na matéria. Essa assembléia preocupou o comandante, coronel Julio Cesar, pois é sabido a pendência que ele tem com o governo. Terminada a reunião, os senhores membros da comissão foram para a sala do coronel onde conversaram durante algum tempo. Do lado de fora da sala, a gente já sabia o que ia acontecer e comentávamos entre a gente que aquilo não iria ficar em vão.
Na quinta-feira passada (no dia 2) o coronel armou uma formatura geral para conversar. Ele falou por um longo tempo e o discurso foi mais ou menos o seguinte: pessoal, não vamos entrar nessa. Esse valor é irreal, o governo sabe o que faz, o AcrePrevidência já está devendo por causa da gente. É melhor a negociação ficar com os comandantes mesmo, nós sabemos o que é melhor.
Acontece coronel que o governo que sabe o que faz tem nos maltratado durante anos. Ele sabe o que faz por isso é culpado pelas nossas perdas salariais que somam mais de 117%. O que governo sabe o que faz, por isso ele é culpado pelas injustiças que tem se abatidos sobre algumas pessoas da tropa que ousam levantar a voz contra essa pouca vergonha do RDPMAC.
Se o governo sabe o que faz, e se fizesse certo, antes de retirar os direitos das viúvas dos militares, deveria retirar a aposentadoria dos ex-governadores, uma ação inconstitucional que estão tentando legitimar em âmbito estadual. É só ler alguns sites para entender isso.
Os comandantes gerais são cargo de confiança do governo, por isso atende aos interesses do governo. Em nosso batalhão tem militares precisando de fardas, o senhor não sabe o que faz, coronel? Nosso batalhão está penando com o descaso do governo quanto a questão do salário.
Mas o outro oficial foi mais infeliz. Ele disse mais ou menos o seguinte: para quê vocês querem aumento? Vocês só vão gastar mais. Esse nosso oficial merecia ganhar o Prêmio Nobel, é de uma inteligência que transcende a natureza humana. Faço uma proposta ao major, tente viver com o salário de soldado por alguns anos e nos dê o seu salário. A proposta também serve para o coronel, vamos lá coronel, viva com o meu salário e me dê a oportunidade de viver com o seu salário.
O soldado e os sargentos não querem ganhar igual a um coronel, não. Apenas queremos mais dignidade salarial. Um major de Rio Branco disse que vivemos da honra. Major, quantas vezes sua honra encheu seu prato no jantar? Pagou o colégio dos seus filhos? Colocou gasolina no seu carro? Quantas vezes, o senhor pagou uma loja qualquer com a honra. Honra, todos temos e por ela é que devemos lutar por melhorias salariais, inclusive para os senhores.
Em Cruzeiro do Sul, a tentativa dos oficiais é de desmotivar a tropa. Ainda bem que todos sabem disso. Estão tentando a todo custo queimar o major Rocha e a comissão, mas nós sabemos o que estão fazendo e sabemos que são nossos verdadeiros representantes.
Por fim, quero manifestar o apoio dos militares de Cruzeiro do Sul à Comissão e ao deputado Major Rocha. Não vamos desistir, vamos ficar de cabeça erguida. Major Rocha, sabemos que o governo quer tirar o senhor da negociação, não permita isso, esteja na mesa falando em nosso nome, foi para isso que elegemos o senhor. Pessoal da comissão, não se deixem enganar pelo governo, ele está plantando mentira em tudo quanto é canto. Mas aqui não vai colar.
Está marcada outra formatura para amanhã, vamos ver o que eles vão falar.

Militar Cruzeirense

13 comentários:

  1. Policial Militar Envergonhado29 de março de 2011 07:29

    Que vergonha... Não tenho palavras para expressar a minha indignação.

    ResponderExcluir
  2. Policial Militar Envergonhado29 de março de 2011 07:30

    Que vergonha... Não tenho palavras para expressar a minha indignação.

    ResponderExcluir
  3. pm de brasileia turma de 200929 de março de 2011 08:08

    parabens pm de cruzeiro do sul mandou muito bem nas suas palavras e isso ai vamos em frente e não vamos dar ouvidos a esse tipo de oficialzinho ridiculo sem prestigio.....

    ResponderExcluir
  4. Babacaaaaaaa.

    ResponderExcluir
  5. Ação coletiva contra estes SUPERIORES HIERÁRQUICOS.
    Juntem-se, contratem um advogado e entrem na justiça contra estes homens e contra os muitos crimes que estão cometendo.
    Estejam baseados e respaldados pela lei.
    Dependendo da situação, existe o MANDADO DE SEGURANÇA.
    Mantenham o Blog informado de tudo o que acontece com vocês, seja na Capital ou no Interior.
    Os tempos são outros, a educação dos PRAÇAS, é outra.
    Em breve teremos uma associação que represente os Policiais e Bombeiros Militares de VERDADE.
    Em breve teremos até uma RÁDIO WEB para falar nossas verdades e falar das MENTIRAS INTEIRAS do Governo.
    Ordem, Progresso e PERDÃO !

    ResponderExcluir
  6. Coronel JC, no dia que o Delegado Federal lhe chamou de analfabeto na arena da floresta, fiquei indignado, por se tratar de uma humilhação a irmão de farda por um insano federal. Porém, com essa sua atitude, começo a pensar q o federal estava com certa razão, pois seus argumentos são pífios e sua tendência é enojante!

    ResponderExcluir
  7. Companheiros do Juruá,
    NÃO SE DEIXEM INTIMIDAR!
    Lembrem-se que os oficiais citados SÃO TÃO SERVIDORES PÚBLICOS QUANTO OS PRAÇAS!
    ELES NÃO SÃO DONOS DA POLÍCIA!
    Eles não sabem o que é melhor para cada um de vocês!
    Eles não conhecem seus sonhos e desejos, MAS CONHECEM O SEU MEDO: o RDPMAC, pois vos digo o seguinte: existe sempre um limite na vida do homem!
    Chega um momento em que NADA ameaça, desmotiva ou amedronta HOMENS DETERMINADOS!!!
    O RDPMAC é só um "acordo" em que uns apanham e outros batem, que está pra ser quebrado, pela exigência da modernidade democrática, pela incomPeTência petista e pela fome por dinheiro e poder da maioria dos oficiais!
    O governo e os oficiais não podem prender todos os PMs e BMs!
    Se estivermos todos presos...
    Quem vai ficar na guarda dos quartéis?
    Quem vai dar segurança à sociedade?
    Quem vai tirar RP?
    Quem vai tirar PO?
    Quem vai apagar o incêndio na residência?
    Quem vai mergulhar e achar o cadáver?
    Quem vai digitar os documentos pro oficial assinar?
    Quem vai DIRIGIR pro oficial?
    Quem vai buscar o filho do oficial na escola?
    Acordem policiais do Juruá!!!
    Nós somos a verdadeira força da PMAC/CBMAC!
    Sem praças não há polícia nem bombeiro!
    Sem praças não há nem oficiais!
    SEM RECUAR, SEM CAIR, SEM TEMER: JUNTOS SOMOS FORTES!!!
    NOSSO REPRESENTANTE É O DEPUTADO ROCHA!!!

    ResponderExcluir
  8. nossa. sem palavras. mt bom o manifesto, e mt bons tbm os comentários =)

    ResponderExcluir
  9. ASSÉDIO MORAL

    É a exposição dos trabalhadores e trabalhadoras a situações humilhantes e constrangedoras, repetitivas e prolongadas durante a jornada de trabalho e no exercício de suas funções, sendo mais comuns em relações hierárquicas autoritárias e assimétricas, em que predominam condutas negativas, relações desumanas e a éticas de longa duração, de um ou mais chefes dirigida a um ou mais subordinado(s), desestabilizando a relação da vítima com o ambiente de trabalho e a organização, forçando-o a desistir do emprego.

    ESSE OFICIAIS ESTÃO BRINCANDO. JUSTIÇA PARA ELES.

    ResponderExcluir
  10. Muito bom, "Fraqueza"!
    De "Fraqueza" tú num tens nada"!
    Aê companheiros do Juruá, entrem na Justiça INDIVIDUALMENTE com um processo de assédio moral contra essas duas pustemas oficialescas que estão por aí!
    Botem no ** deles!
    Se vcs fizerem isso, ADEUS promoções!
    E ainda vão ganhar um dinheiro desses imbecís!
    Sejam TODOS testemunhas uns dos outros!
    Vcs estão com o controle da situação na mão e não sabem! Agora já sabem, ajam!!!
    Na Capital tem oficial medindo as palavras com os praças: "escreveu não leu", o processo comeu!!! E tá dando certo!!!

    ResponderExcluir
  11. Ora, Maj Ataualpa achas que os militares do Acre não são profissionais de honra? Pois compare com PM de outros estados, ou não conheces nossos índices de conduta como policiais pertencentes a nossa gloriosa PMAC? Qual o índice de PM que recebem propina? Qual o índice de PM envolvidos com quadrilhas? Qual o índice de PM pistoleiros? Qual o índice de PM corruptos? Responda Maj, me parece que trabalhastes muito tempo no CIOSP, e lá trabalhou muito com estatísticas, bem como análises dessas, ou não? Ou só fazias de contas que trabalhava para ter direitos as promoções relâmpagos, e a cargos de confiança (bajulação)?
    Quando responder algumas dessas perguntas ai podes falar em honra, com respeito a conduta de nossos briosos militares.
    Mas, para nós como cidadãos e Policial Militar não é necessário responder essas perguntas, pois já sabemos que somos dos menos corruptos do país e que mais dar valor aos direitos humanos mesmo não entendendo como somente os bandidos tem direitos humanos e pais de famílias e trabalhadores não tem os mesmos direitos, respeitamos o direito a vida de todos.
    Porém, estamos cansados de sermos tratados como bichos, como pessoas fáceis de serem manobradas por causa de um estatuto anticonstitucional, por causa de pessoas sem conhecimentos e sem profissionalismo, mas que buscam se imporem através desse estatuto. Isso está chegando ao fim, mais de 80% da categoria de policiais militares (praças) tem freqüentado escolas de nível superior e particulares, esse estatutinho inconstitucional não vai durar muito tempo, então estrelados, busque outras alternativas para lidar com profissionais cada dia mais qualificados, pois as ameaças já não dão mais certo.
    Os policiais militares do Acre são totalmente honrados, mesmo com esse salário de miséria não se corrompem, ai Maj Ataualpa está a honradez. E buscar melhorias salariais através dos meios legítimos não os desonra, diferentemente dos estrelados que buscam galgar cargos de confiança e promoções, criticando seus pares, massacrando sua tropa, puxando saco, defendendo os interesses dos governos, etc. Responda Maj Ataualpa que é honrado nas fileiras da PMAC? A todos nós sabemos e acredito que você também.

    ResponderExcluir
  12. Os cinco princípios de Norman “Tempestade”

    Norman Schwrkopf, que foi promovido a comandante de divisão logo no princípio de sua carreira militar, buscava um plano de liderança eficaz que o capacitasse a cumprir sua função. Ele inventou os "Big Five", que são cinco princípios de liderança.

    * Certificar-me de que minha divisão estar pronta para a batalha.
    * Cuidar dos soldados.
    * Cuidar das famílias dos soldados.
    * Incentivar e desenvolver a lealdade entre os soldados.
    * Orientar meus subordinados da mesma maneira que recebi orientação.

    Norman "Tempestade" aprendeu o que motivava os soldados lutar. A coesão e a camaradagem eram elementos absolutamente necessários entre as tropas. E o foco do trabalho do mentor era desenvolver um alto padrão ético entre seus liderados.
    Esses mesmos princípios podem ser aplicados em nossos relacionamentos com as pessoas no ambiente de trabalho, em casa e na Igreja. "Nós também devemos nos concentrar nas pessoas, preparando-as, capacitando-as, cuidando delas e de suas famílias, incentivando-as". (Jess Gibson, Coaching Champions) [Treinando Campeões]

    A diferença entre um mestre bem sucedido e os demais é a liderança.
    Não é fácil ser um líder. Para alguns de nós, é muito mais simples sentar e obedecer alguma liderança.
    Parece que nunca somos capazes de superar a fase na qual alguém corta a carne em pedacinhos pequenos para não termos esse trabalho.
    Deus convoca os homens para que sejam líderes.
    Será que é motivo de admiração o fato de algumas das áreas que registram os mais altos índices de crimes nas grandes cidades serem aquelas onde a presença masculina é mais escassa nos lares?
    Em Felipenses 4.9, diz, "Somos instruídos que os líderes ensinam por meio de palavras e ações". Não seremos capazes de nenhuma das duas coisas se não subjugarmos nossos desejos nem lutarmos para fazer diferença na vida das outras pessoas.
    “QUEM COMANDA COM SABEDORIA, RECEBERÉ OBEDIÊNCIA PRAZEROSA”. Thomas Fuller, capelão Inglês, século 17. Sou Cruzeirense e com mt orgulho. Fora os Cmts Oficiais que fazem parte da turma de paráqueditas da PMAC, aqueles que nem concurso público se submeteram, e agora estão aí contra seus companheiros que ralaram para serem admetidos através de concurso público. "Os Cmts são leais ao governo e não a Organização da qual fazem parte. R1 PMAC.

    ResponderExcluir
  13. Uma vergonha mesmoo..... tantas mentiras expoxta por esse secretario e pela coja do governoo....os militares vivem sim, numa época de escravidão... sem direito a fala sem democraciaa...... essas são palavras de uma esposa indignada com tantas coisas erradas que acontece nesse governo.. e parabens pra esse deputado ROCHA que é o único que luta pelos direitos dos militares......... continue lutando.... essa guerra vai longe com total apoio dos familiares dos militares..........GRATA ESPOSA DE MILITAR.......

    ResponderExcluir

Evite palavrões. Dê seu apoio, faça a sua crítica, mas com respeito a todos.