segunda-feira, 25 de outubro de 2010

POLÍCIA MILITAR DO PARANÁ PASSARÁ A RECEBER POR SUBSÍDIO E TERÁ SALÁRIO INICIAL DE R$ 5 MIL

Mais uma corporação policial militar brasileira reconhece a necessidade de valorização profissional de seus homens: a Polícia Militar do Paraná. A Assembleia Legislativa do Paraná aprovou a Proposta de Emenda Constitucional número 64, a PEC 64, que traz mudanças significativas na política salarial e de carreira da PMPR. Algumas mudanças implementadas:
  • A Policia Militar e o Corpo de Bombeiros do Estado do Paraná, passam a perceber como remuneração, o subsídio, em parcela única, não havendo mais o compilado de soldo + gratificações;
  • Exigir-se-á, para o preenchimento do cargo, na Polícia Militar do Paraná, além de outras condições definidas em lei, curso de nível superior para ingresso como Soldado de Segunda Classe e curso de Direito para ingresso na carreira de Oficial do Quadro de Oficiais Policiais-Militares e curso de Engenharia para ingresso no Quadro de Oficiais Bombeiros-Militares;
  • A remuneração, sob a forma de subsídio passa a ser fixada com a diferença de 5% de uma para outra classe, aos servidores públicos integrantes da Carreira Jurídica Especial de Advogado dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário do Estado do Paraná.
Através das medidas acima, os PMs e BMs do Paraná receberão apenas 5% a menos que os servidores da justiça (promotores, juízes etc). De acordo com o site da Assembleia Legislativa do Paraná, “a PEC proporcionará um ganho adicional sobre os vencimentos da categoria, com o salário inicial de aproximadamente R$ 5 mil”.
FONTE: Abordagem Policial

5 comentários:

  1. Isso sim é VALORIZAÇÃO!
    Taí uma bela lição de como se valorizar a força policial para o novo governador eleito!
    Se os petistas querem reverter o quadro político desfavorável taí uma boa maneira de começar!
    Abraços a todos!
    Morrimento, tamo aki!

    ResponderExcluir
  2. Como toda mudança, essa PEC 64 do governo do Paraná, tem seus pró e contra. Gostei muito da QUOTA ÚNICA DO SUBSÍDIO, dando adeus ao Soldo+gratificações. Gostei, também, do salário inicial (R$ 5.000,00), salário digno sem "bico", pois isso atrapalha o desempenho profissional e expôe demais o PM; ÓTIMO a exigência de nível superior para ingresso na PMPR. Contudo, qual o porquê de se limitar aos formados em direito e engenheiro para concorrerem as vagas na PMPR e CBMPR? Se essa moda pega vamos ter nas corporações somente "filhinhos de papai". Quem pode pagar um curso de direito na particular? Nas federais a maioria que conquista uma vaga são filhinhos da classe média alta e elite. Temos uma gama de formados em outras áreas mais "safos" que os formados em direito. Exigir nível superior, independente da modalidade, para ingresso na corporação já está bom demais. Esse é meu entendimento. Desculpem!

    ResponderExcluir
  3. CAPITÃO MORRIMENTO - CEARÁ27 de outubro de 2010 07:12

    "ALGUNS" FILHOS DE PAPAI + ADVOGADO + FARDA + ARMA NA CINTURA + MARRA = UMA BOMBA AMBULANTE !
    O NÍVEL SUPERIOR É O SUFICIENTE !
    AINDA ASSIM, A ANTIGUIDADE, O DIA-A-DIA, OS ANOS DE VIDA MILITAR E OS " SACODES " QUE A VIDA NOS DÁ, AINDA ASSIM, A SABEDORIA, A SERENIDADE, O BOM-SENSO E ATITUDES DIGNAS DE UM PM, BM PAI DE FAMILIA, TUDO ISSO JUNTO, ISSO SIM, FARÃO A DIFERENÇA !

    ResponderExcluir
  4. Concordo com o Ilustre Capitão Mário!
    Só penso que para o oficialato, dever-se-ia exigir qualquer nível superior na ÁREA DAS CIÊNCIAS HUMANAS, fato que, em tese, traria a tão esperada humanização das relações entre superiores e subalternos...
    Um cara formado em matemática, em tese, não possui a sensibilidade social exigida para comandar policiais numa era em que a democracia é uma realidade em constante construção e a profissão policial exige que sejamos cada vez mais policiais e cada vez menos soldados!
    Querem um exemplo? Ele AINDA ocupa a cadeira de comandante geral (graças a Deus só até o ano que vem!)

    ResponderExcluir
  5. Aline Machado
    Fiquei triste pela exigência em direito para o oficialato, sou formada em jornalismo, e pretendia fazer essa prova para oficial porém já desisti, enfim,sempre tem o lado ruim de uma conquista
    mas não podemos reclamar , pois enfim os nossos policiais e bombeiros serão merecidamente valorizados.

    ResponderExcluir

Evite palavrões. Dê seu apoio, faça a sua crítica, mas com respeito a todos.